Mulheraços Contra Violência

3ª edição “ELAS FAZEM E ACONTECEM” MULHERAÇOS CONTRA A VIOLÊNCIA

Quantos desafios surgiram no mundo da pandemia… Fora a própria doença, um dos que mereceram mais destaque na imprensa nacional foi o aumento acelerado da violência doméstica. A união para enfrentar crimes covardes contra a mulher, a atuação da rede de proteção e o uso da tecnologia para combater o problema serão pautas principais do evento “MULHERAÇOS CONTRA A VIOLÊNCIA”, no dia 15 de agosto, na terceira edição do  “ELAS FAZEM E ACONTECEM”, promovido pelo hub de negócios MULHERAÇO BRASIL.

MULHERAÇOS CONTRA VIOLÊNCIA

MULHERAÇOS CONTRA A VIOLÊNCIA” será realizado em formato híbrido, ou seja, com alguns palestrantes e participantes à distância, e outros presencialmente em Londrina. O evento será transmitido ao vivo pelo canal do YouTube do MULHERAÇO BRASIL das 8h às 11h30.

O evento híbrido depende do live streaming para ser realizado. Além de uma plataforma de transmissão ao vivo, é necessário ter uma equipe de produção profissional e um link de internet dedicado. Já providenciamos tudo para que possamos estar juntos, mesmo com a distância, mas aproveitando o máximo da expertise e conhecimento dos convidados à palestrar na 3ª edição do Elas Fazem e Acontecem.

As inscrições já estão disponíveis no site mulheraco.com.br, e são gratuitas. O evento tem patrocínio das empresas: Adria Laboratórios, Gráfica Universal, Sabrina Teixeira Salão de Beleza e Balconi Moreti Advocacia de Inovação.

PALESTRANTES

O evento contará com nomes de peso na discussão do tema, representando órgãos da mais alta credibilidade no Brasil, e ainda fará a divulgação de uma importante ferramenta para ajudar no combate a situações de violência: o aplicativo (APP) “Linha Direta”.

“Linha Direta” já está sendo aplicado em parceria com órgãos como a Polícia Militar do Rio de Janeiro e o Ministério Público de São Paulo.

Criado por Leonardo Gandelman, fundador da WerTog, empresa desenvolvedora de softwares, desde 2016, o aplicativo para celular está disponível para os sistemas IOS e Android, e utiliza o conceito de segurança compartilhada. A pessoa baixa o APP e cadastra contatos da sua confiança. Quando estiver em situação de perigo, aperta uma sirene no aparelho, que só vai soar para o contato, como um pedido de socorro

A diretora do MULHERAÇO BRASIL Adriana Pontin destaca que “em tempos de isolamento social, nossa intenção é trazer mais que um debate sobre um assunto sempre em pauta. É preciso oferecer alternativas para minimizar a violência, que passam sim pelos canais oficiais de denúncia, mas também pelo uso da tecnologia já disponível.”

Iniciamos com Dra Beatriz Peruffo, direto de Bento Gonçalves – RS. Ela é Conselheira Federal da OAB e Fundadora da “Rede Mulheres Mais Felizes” com mais de 8.600 mulheres integrantes. De Curitiba – PR, a Dra Priscilla Placha Sá, Desembargadora do Tribunal de Justiça do Paraná e Coordenadora Estadual da Mulher em Situação de violência Doméstica e Familiar. De Londrina – PR, a Dra Zilda Romero, Juíza da 6ª Vara Criminal, mais conhecida como Vara Maria da Penha. Do Rio de Janeiro, a Dra Renata Gil, Juíza Criminal e Presidente da Associação dos Magistrados do Brasil, mentora da campanha contra a violência doméstica “Sinal Vermelho” e também de Londrina, Dra Vania Queiroz, Presidente da OAB Londrina e uma das Fundadoras da Associação Nós do Poder Rosa são presenças confirmadas para o “MULHERAÇOS CONTRA A VIOLÊNCIA”.

Adriana Pontin salienta que “mesmo com a limitação na realização de eventos presenciais, o assunto não pode deixar de ser propagado, uma vez que o agressor está dentro de casa, confinado junto com a vítima. Com palestrantes do Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Curitiba e Londrina esperamos que as informações sejam propagadas para um número muito maior de pessoas.”

NÚMEROS ALARMANTES

Os dados tristes comprovam: Só em junho, houve aumento de 22% de feminicídios em 12 Estados brasileiros, de acordo com um levantamento do Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), a pedido do Banco Mundial. E os casos de denúncia de violência doméstica cresceram 35% durante a pandemia em todo país, de acordo com o Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos. São mulheres tentando, ao mesmo tempo, livrar-se de um vírus e salvar a própria vida.

TODOS JUNTOS CONTRA A VIOLÊNCIA

Baixe o APP Mulheraço para interações, dúvidas e perguntas durante o evento. Acompanhe nossas redes sociais e conheça mais sobre os palestrantes e o Aplicativo Linha Direta.

Convide quantas pessoas você quiser e achar interessante para estar conosco no “Mulheraços Contra Violência”, todos nós juntos e unidos podemos diminuir os números alarmantes de violência.

Clique aqui e inscreva-se

Publicado por

Adriana Pontin

Adriana Pontin

Desde 2008 a Excelência Mkt & Eventos atua como mentoria especializada em fortalecer marcas e desenvolver negócios com soluções inovadoras. Os projetos estão sob a direção da estrategista de marketing e eventos, Adriana Pontin, que desenvolve planejamento estratégico com ações criativas e funcionais integrando as plataformas on-line e off line.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *